Logotipo da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Facebook Logotipo do Twitter Logotipo do Instagram Logotipo do YouTube Player

Notícias

Acusado de furto de petróleo é preso em Mauá

Fotos: Divulgação

ASCOM - Assessoria de Comunicação
24/10/2017 13h30 - Atualizado em 24/10/2017 13h30

Policiais da 66ª DP (Piabetá) prenderam em flagrante, nesta segunda-feira, após ser conduzido por policiais militares, Ledir da Silva Júnior, por furto de petróleo qualificado por rompimento de obstáculo em concurso de pessoas, além e associação criminosa.

O Delegado Titular da Unidade informou que devido à grande incidência de furtos de petróleo bruto realizados por quadrilhas especializadas, fatos que, além de vultosos prejuízos à Petrobrás, causam imensuráveis danos ao meio ambiente, foi aberto um canal direto com essa empresa, sendo certo que, sempre que é detectado alguma queda de pressão nos dutos (originadas geralmente quando se fura o cano), as Delegacias Policiais de Magé (65ª e 66ª DP’s) e o Batalhão da área (34º BPM) são imediatamente acionados, havendo rápido intercâmbio entre esses órgãos operacionais.

Disse, ainda, que tal queda de pressão foi detectada em área deserta, entre as circunscrições da 65ª e 66ª Delegacias, havendo a prisão em flagrante do nacional Ledir Da Silva Júnior, que já estava com uma caminhão tanque carregado com 30 mil litros de petróleo bruto, quando saía de Mauá.

Após as diligências em conjunto feitas durante a madrugada, foi descoberto o local exato de onde havia sido feito o furo no duto para extração do petróleo. O procedimento foi remetido à Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD) de acordo com a atribuição daquela Especializada.